Curiosidades sobre Jogos Paraolímpicos

Os Jogos Paraolímpicos ocorrem pouco após as Olimpíadas e têm sede na idêntica cidade que as Olimpíadas no ano em questão. Tais jogos não são somente acerca do esporte, porém ainda acerca da superação em relação aos limites e deficiências.

Mesmo não apresentando idêntico destaque em comparação com as Olimpíadas, os Jogos Paraolímpicos se caracterizam semelhantemente de importância e têm merecimento da atenção. Na seqüência as curiosidades acerca dos Jogos Paraolímpicos, que acontecerão de 7 a 18 de setembro de 2016.

– Ocorreram pela vez inicial no ano 1960, em Roma, Itália.

– As iniciais competições esportivas para deficientes físicos aconteceram em Inglaterra, para reabilitação de militares atingidos no período da Segunda Guerra Mundial. E foi daí que apareceram os Jogos Paraolímpicos.

– E participam os atletas com deficiências físicas e os atletas com deficiência mental.

– Os comitês da organização de Jogos Olímpicos e Paraolímpicos iniciaram a trabalhar em conjunto pelos jogos de Barcelona, no ano 1992.

– O Comitê Paraolímpico Internacional teve criação no ano 1989, recebendo apoio do Comitê Olímpico Internacional.

– Existiu um atleta que deixou as Olimpíadas aos Jogos Paraolímpicos, foi Pál Szekeres, esgrimista da Hungria, que fez conquista de uma medalha de bronze no ano 1988, porém passou por acidente de carro e se tornou paraplégico, e posteriormente participou dos Jogos Paraolímpicos.

– Vinicius e Tom foram os nomes selecionados por público para que os mascotes dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos Rio 2016 fossem batizados, de modo respectivo. Depois de 3 semanas de votação popular, sendo 323.327 votos, 44% selecionaram a homenagem de músicos Vinicius de Moraes e Tom Jobim. Com inspiração em fauna e flora do Brasil, os mascotes Rio 2016 surgiram da explosão da alegria brasileira, no momento que a cidade foi eleita cidade-sede. As criaturas mágicas de superpoderes se resumem reais embaixadores dos Jogos, em especial com o público infanto-juvenil.

– O programa paraolímpico apresentará no ano 2016, os 23 esportes, sendo 528 provas valendo medalhas. E duas destas se caracterizam de novidade, triatlo e canoagem, fazendo estréia.

– O Brasil, em última edição dos Jogos Paraolímpicos, apresentou desempenho superior de sua história, atingindo o sétimo lugar em ranking das medalhas. Os para-atletas brasileiros têm mostrado superação cada vez maior. Um exemplo atual se caracterizou o de Jogos Parapan-Americanos de Toronto, Canadá, em que os atletas do país surpreenderam e alcançaram uma totalidade de 257 medalhas, com 109 de ouro, permanecendo em primeiro lugar em relação ao quadro geral.

Compartilhe

Deixe uma resposta

FOLLOW @ INSTAGRAM